You are currently viewing 5 maneiras de proteger crianças e adolescentes do vício das telas!

5 maneiras de proteger crianças e adolescentes do vício das telas!

  • Post author:

Sabemos que, atualmente, o acesso à internet se tornou cada vez mais fácil, ágil e democrático, sendo utilizado por todos como fonte de conhecimento, informação ou por puro entretenimento. Smartphones, notebook e tablets se tornaram itens indispensáveis em nossa rotina, principalmente nesse período de pandemia e isolamento social. Mas todo o excesso é preocupante!

As telas são legais, mas precisam de limites!

De acordo com uma pesquisa encomendada pela Digital Turbine sobre comportamento on-line, 20% dos brasileiros não ficam mais de 30 minutos longe do celular. Esse vício pelas telas pode causar danos à saúde física e mental de adultos e, ainda mais, em crianças e adolescentes.
Para auxiliar pais e responsáveis, listamos 5 dicas que podem ajudar na proteção de meninos e meninas durante o uso da internet e das redes sociais:

1 – Estabeleça horários! A Sociedade Brasileira de Pediatria recomenda que o tempo de tela máximo não ultrapasse 2 horas por dia para crianças de 6 a 10 anos.

2 – Crie limites! Baixe aplicativos e habilite ferramentas de controle dos pais diretamente na própria rede social ou no navegador.

3 – Promova atividades off-line! Brincadeiras ao ar livre com amigos e passeios são ótimas formas de reduzir o contato com as telas e aguçar a criatividade e imaginação.

4 – Mantenha o diálogo aberto! Sempre converse e oriente as crianças e adolescentes sobre os riscos e perigos do mundo virtual. Aproveite para tirar dúvidas e conhecer mais o que eles acessam!

5 – Não incentive o uso excessivo de telas já na infância, prefira programas educativos na televisão para entretê-los.

Navegação segura

A navegação segura e o bom uso da internet e da tecnologia, além de prevenir crimes virtuais como o abuso e a exploração sexual on-line de crianças e adolescentes, também contribui para o desenvolvimento, a vida social e saúde física e mental de crianças e adolescentes.

A Childhood Brasil elaborou um conteúdo exclusivo sobre navegação segura com diferentes dicas e ações para pais, responsáveis e educadores ajudarem crianças e adolescentes na prevenção de riscos no ambiente digital. Para saber mais, acesse: https://www.childhood.org.br/navegacao-segura.

E não se esqueça! Se você identificar um caso de violência on-line envolvendo uma criança ou adolescente, denuncie no site da SaferNet Brasil (new.safernet.org.br/denuncie), principal serviço de recebimento de denúncias anônimas de crimes e violações contra os Direitos Humanos na Internet.